Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Monarquia Portuguesa

Este blog pretende ser o maior arquivo de fotos e informações sobre a monarquia portuguesa e a Família Real Portuguesa.

A Monarquia Portuguesa

Este blog pretende ser o maior arquivo de fotos e informações sobre a monarquia portuguesa e a Família Real Portuguesa.

Parques de Sintra inicia recuperação integral de três salas do Palácio da Pena

27.01.20, Blog Real

Parques_de_Sintra_inicia_recuperacao_integral_de_tres_salas_do_Palacio_Nacional_da_Pena_credits_psml_luis_duarte-noticia-destaque (1).jpg

Desde o dia 20 de janeiro, que a Parques de Sintra deu início à recuperação integral das Salas do Telefone, de Visitas e Verde, do Palácio Nacional da Pena, com o intuito de lhes restituir, com a maior fidelidade possível, o aspeto que exibiam na época em que eram utilizadas pela Família Real. O projeto de conservação, restauro e reconstituição histórica, levado a cabo por uma equipa multidisciplinar, abrange todas as peças museográficas e materiais presentes nestas divisões, nomeadamente, os revestimentos decorativos murais, os pavimentos e a caixilharia, interior e exterior. Com vista à melhoria das condições de segurança, as infraestruturas elétricas, de telecomunicações e as redes de deteção de incêndio serão revistas. Neste âmbito, será instalado um sistema automático, de aspiração, que, complementado com alarmes manuais convenientemente localizados, permitirão transmitir um alarme de incêndio num estado primário do seu desenvolvimento.

Está, igualmente, prevista a reabilitação das grades de proteção existentes no coroamento interno da cobertura do Claustro, com o intuito de lhe devolver a estabilidade.

Estas intervenções integram-se no projeto global que vem sendo desenvolvido nos interiores do Palácio Nacional da Pena, que tem como principal objetivo a reconstituição histórica dos ambientes domésticos que marcaram a vivência da Família Real neste monumento. Os trabalhos são executados com base em fontes documentais e em fotografias da época. Paralelamente, são acompanhados por uma profunda investigação histórica e potenciados pela colaboração com reputados mestres e fabricantes do mercado nacional e internacional. Após a seleção das peças do acervo colocadas nas três salas, que serão objeto de limpeza e restauro, o processo termina com a colocação de estofos e armações de cortinas que reproduzem os originais. Desta forma, é possível devolver aos espaços um aspeto mais aproximado ao que apresentavam no século XIX.

A Sala do Telefone faz a ligação entre a sucessão de salas da zona privada do Palácio Velho e os compartimentos que estavam destinados a acolher visitas, onde se incluem a Sala de Visitas e a Sala Verde. Na época da monarquia, as visitas recebidas nestas divisões entravam no Palácio pela porta do Átrio da Sacristia, que comunica com a escadaria do Pátio dos Arcos. Na Sala Verde, podiam assinar o livro de visitantes, enquanto aguardavam. É neste espaço que se encontra a pintura mural mais antiga do Palácio, com motivos geométricos de inspiração mourisca. Foi executada em 1854, por António Januário Correia. Posteriormente, os convidados eram recebidos na Sala de Visitas, cuja ornamentação das paredes foi elaborada pelo artista Paul Pizzi, em 1855, segundo a técnica de trompe l’oeil. A pintura representa uma arquitetura islâmica, cenas mouriscas e elementos vegetalistas.

Durante o período de duração dos trabalhos, o circuito de visita será condicionado. Assim, após o Gabinete da Rainha, os visitantes vão passar pelo Claustro até retomar o percurso normal na Sala Verde. Prevê-se que o projeto esteja concluído em agosto de 2020.

Fonte: https://www.parquesdesintra.pt/