Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

D.Duarte de Bragança visitou o expositor da Real Associação do Baixo Alentejo na Ovibeja

por Blog Real, em 30.04.18

Na sua visita à 35 Ovibeja, D. Duarte, Duque de Bragança, visita o expositor da Real Associação do Baixo Alentejo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Real Associação do Baixo Alentejo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:10

D. Duarte Pio de Bragança: “Desde 1910 que a moral republicana só funciona em ditadura”

por Blog Real, em 28.04.18

Apesar de ser um adepto da democracia e da liberdade, D. Duarte Pio, duque de Bragança e chefe da Casa Real Portuguesa, defende que o país seria mais livre e menos corrupto se voltasse a ser governado por um regime monárquico. Ou seja, por ele, dado que é o herdeiro do trono português. “Há uma tolerância geral no país para a pequena corrupção. E isto tem que ver com a falta de motivações morais e espirituais.” Sobre o atual chefe de Estado português chega a dizer: “O Presidente Marcelo atua como um rei, pela sua inteligência política”. E revela que um Presidente dos Estados Unidos chegou um dia a incentivá-lo a candidatar-se à Presidência da República. Uma conversa onde fala ainda do seu amor, Isabel de Herédia, das razões para uma paternidade tardia, e em que ficamos a saber que até se ri das caricaturas que fazem dele. “Desde que não me ponham gago. Que é uma coisa que eu não sou.” Para ouvirem neste episódio do podcast “A Beleza das Pequenas Coisas”

Pode ouvir 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:24

Intervenção de Afonso de Bragança na cerimónia da entrega do II Prémio Príncipe da Beira, Ciências Biomédicas de 2017

por Blog Real, em 26.04.18

Intervenção de SAR o Senhor Dom Afonso de Santa Maria, Príncipe da Beira, na cerimónia da entrega do II Prémio Príncipe da Beira, Ciências Biomédicas de 2017, que ocorreu no Salão Nobre da Câmara Municipal de Guimarães.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:23

Afonso de Bragança entregou o Prémio Príncipe da Beira 2017

por Blog Real, em 23.04.18

O Prémio Príncipe da Beira Ciências Biomédicas, instituído pelo Município de Guimarães, pela Fundação D. Manuel II e pela Universidade do Minho, foi atribuído a Sílvia C. Araújo Vieira, pelo seu trabalho “Natural-based Hierarchical Platform for Islet Cell Transplantation and Vascularization" (Plataformas hierárquicas para o encapsulamento e vascularização das ilhotas), um processo inovador que permite o rápido tratamento dos doentes com diabetes. Sílvia Vieira é estudante de doutoramento da Universidade do Minho, mas fez a formação base na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

A cerimónia de entrega do Prémio decorreu esta sexta-feira, 19 de abril, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Guimarães, com as presenças de D. Afonso de Bragança, Príncipe das Beiras, de Adelina Pinto, a vice-presidente da Câmara Municipal de Guimarães e Rui Reis, vice-reitor da Universidade do Minho.

 

 

 

 

Fonte: TV Monarquia Portuguesa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:11

Duque de Bragança em vísita à Rússia

por Blog Real, em 21.04.18

D.Duarte, Duque de Bragança, na qualidade de Presidente da Fundação Dom Manuel II, esteve a semana passada, de visita à Rússia onde se encontrou durante vários dias com altos representantes da Igreja Católica e da Igreja Ortodoxa.

Em Moscovo, D.Duarte de Bragança foi carinhosamente recebido por Sua Santidade o Patriarca e participou em várias conferências tendo aproveitado a ocasião para conhecer Igrejas, Comunidades Religiosas e para renovar o convite já dirigido no passado a Chefe máximo da Igreja Ortodoxa Russa para vir visitar Portugal e particularmente Fátima, neste ano centenário da morte da família Imperial Romanov, já Canonizada pela Igreja Russa, como mártires da revolução bolchevista e do comunismo.

O convite para o Patriarca de Moscovo vir à Terra de Santa Maria rezar pela Paz vem na sequência do convite que Sua Alteza Real fez a Sua Santidade o Dalai Lama e que resultou na sua peregrinação a Fátima há vários anos atrás.

Durante a passagem pela Santa Rússia, o Senhor Dom Duarte distribuiu literatura Russa sobre a Mensagem de Fátima e vários ícones das Aparições de Fátima oferecidos pela Fundação D. Manuel II em parceria com a Fundação Oureana.

As palavras do Senhor Duque de Bragança dirigidas aos membros das Igrejas ali reunidos neste ano do encerramento oficial do centenário de das Aparições de Fátima, relembraram os tempos de tensão internacional que vivemos actualmente e a necessidade de haver um maior esforço pelo diálogo e a paz, a fim de evitar a repetição de males profetizados em Fátima em 1917, e que assombraram o mundo durante décadas resultando em guerras e na perca de milhões de vidas.

 

Fonte: Fundação Dom Manuel II

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:08

Entrevista de D.Isabel de Bragança à Caras

por Blog Real, em 01.04.18

Atenta a todos os passos dos filhos, Afonso, de 22 anos, Maria Francisca, de 21, e Dinis, de 18, fruto do seu casamento com D. Duarte Pio, D. Isabel de Bragança acredita que é importante deixá-los seguir os respetivos caminhos, sem grandes imposições, conforme contou durante uma conversa que começou pelo propósito do encontro, a apresentação de um livro sobre o ritual do chá, Receitas à Volta do Chá, de Maria Ana Silva Vieira.
– O culto do chá implica um certo ritual, uma determinada rotina. Gosta de rotinas?
A minha vida não tem muita rotina, é um pouco atípica, mas há coisas que faço questão de ter, como tempo para mim, para me cuidar.
– Gosta dos rituais que o chá promove, como as conversas?
No dia a dia é complicado, mas acho importante que se cultive esse tipo de encontros. Hoje em dia, num mundo em que é tudo tão virtual e quase egoísta, é importante que façamos um esforço, porque no fundo o que interessa é estarmos uns com os outros. Acho que a felicidade das pessoas está em partilhar coisas com os outros: vivências, experiências.
– Como mãe, como contraria esse lado virtual que referiu?
Promovo situações em que nos sentemos à mesa a conversar ou fazendo passeios. Por exemplo, quase todos os anos fazemos uma viagem os cinco. E aquele que escolhe o lugar tem de o estudar e explicar aos outros. Acho que tem de haver um pouco de imaginação para ‘apanharmos’ os nossos filhos e amigos com estes ‘truques’ que nos fazem estar juntos.
– Esse será atualmente um dos maiores desafios dos pais: fazer com que os filhos se afastem de telemóveis e afins?
Acho que o grande desafio é dar-lhes condições e ensiná-los a voar e a serem eles próprios. Uma das coisas que os pais por vezes fazem – e eu também – é imaginar para os filhos algo que nem sempre se coaduna com o que eles querem... Tenho aprendido a estar atenta às tendências e aos gostos de cada um dos meus filhos, respeitando-os e encaminhando-os para aquilo que acho que também os pode fazer felizes.
– Para si, foi fácil encontrar esse caminho?
Há alturas mais fáceis e outras mais difíceis, faz parte. E é bom que os filhos queiram a sua independência e tenham ideias próprias. Tenho a sorte de os meus filhos serem pacíficos, mas nós também sempre respeitámos essa parte. Quando se força uma coisa é que podem surgir reações. Sempre lhes disse para estudarem o que gostavam e fazerem mestrado naquilo em que vão trabalhar. Não posso forçá-los a tirar um curso que eu possa achar interessante, pois o futuro é deles. Acho que hoje em dia o grande desafio é não deixar de exigir mas ao mesmo tempo trabalhar na autoestima, para que eles façam coisas com as quais se sintam bem e capazes.
– Eles ainda estão muito ligados a si ou já está cada um no seu caminho?
Aos bocadinhos, vão seguindo as suas vidas. Graças a Deus, falamos muito, e essa é a minha maior alegria. Conversamos muito e talvez por isso seja tudo tão pacífico. Temos de os deixar voar e cair. Ninguém cresce sem sofrer.
– Agora já tem cá os três...

Sim, a minha filha estava em Roma mas já voltou.

Fonte: Caras

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:06

Duquesa de Bragança apresenta livro de receitas com chá

por Blog Real, em 25.03.18

Dona Isabel Herédia e a escritora Isabel Stilwell apresentaram esta quinta-feira, 8, em Lisboa o livro 'Receitas à Volta do Chá', da tea sommelier Maria Ana Silva Vieira.

Com prefácio de Isabel Herédia, o livro conta a história do chá no mundo e em Portugal, o primeiro país europeu a consumir esta bebida com regularidade. 
A obra traz exemplos de pratos que podem ser temperados com chá, do pequeno-almoço à ceia, passando pelos smoothies (batidos).

"Comecei pela base, a criar os meus chás gelados, smoothies, a pôr o matcha no iogurte, nos meus cereais ao pequeno-almoço e de repente queria experimentar o chá noutras receitas, que não só óbvio", conta a autora.
 
Foi a partir daí que pensou em "aromatizar o arroz com chá verde ou jasmim, marinar a carne e a pôr o matcha nas sobremesas". 
 
Para D.Isabel de Herédia esta "é uma oportunidade de divulgar outra vez o chá de uma maneira diferente, elegante e interessante". 
"Portugal sempre foi um país que teve uma abertura para as culturas. Dizemos que a globalização para nós já é uma coisa antiga. Hoje é muito importante que repensemos a nossa maneira de estar na vida para não sermos atropelados pela própria velocidade da vida. É importante pararmos para as famílias conviverem, temos de ter tempo para nós próprios, para os outros", defende, argumentando que estes momentos podem ser feitos com a tradição do chá.

 

 

 

 

 

 

 Fonte: flash.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:23

Família Real Portuguesa na Procissão do Senhor dos Passos da Graça

por Blog Real, em 26.02.18

A Família Real Portuguesa esteve presente na secular Procissão do Senhor dos Passos da Graça, cumprindo a tradição, que se realizou em Lisboa.

 

 

 

 

 
 

 

 

Fonte: TV Monarquia Portuguesa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:06

D.Duarte de Bragança e Infante D.Dinis na Missa de Sufrágio dos 110 anos do Regicídio

por Blog Real, em 03.02.18

No dia 1 de Fevereiro na Igreja de São Vicente de Fora, a Real Associação de Lisboa cumpriu uma vez mais o seu dever de memória, lembrando os mártires de 1 de Fevereiro, com a presença de S.A.R. o Duque de Bragança, de S.A. o Infante Dom Dinis, Duque do Porto e de cavaleiros das Ordens de Malta, Santo Sepulcro e Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa. No final o Infante Dom Dinis e João Távora, presidente da Real Associação de Lisboa depuseram uma coroa de flores nos túmulos do Rei D. Carlos e do Príncipe Real D. Luís Filipe. A celebração eucarística foi presidida pelo Revd. Padre Gonçalo Portocarrero de Almada.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Real Associação de Lisboa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:28

Duquesa de Bragança na celebração do 1º centenário da beatificação de S. Nuno de Santa Maria

por Blog Real, em 25.01.18

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Fonte: realbeiralitoral.blogspot.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:12


Este blog pretende ser o maior arquivo de fotos e informações sobre a monarquia portuguesa e a Família Real Portuguesa.

Mais sobre mim

foto do autor


A Coroa, é o serviço permanente da nossa sociedade e do nosso país. A Monarquia Constitucional, confirma hoje e sempre o seu compromisso com Portugal, com a defesa da sua democracia, do seu Estado de Direito, da sua unidade, da sua diversidade e da sua identidade.

calendário

Julho 2018

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

mapa_portugal.gif


Facebook



Comentários recentes

  • Anónimo

    Saúdo a Infanta e toda a realeza de Portugal!

  • Blog Real

    O documento original está aqui na Ilustração Portu...

  • Anónimo

    Muito bom dia.Onde posso encontrar o documento ori...

  • Alberto

    A Rainha Marguerita não foi a irmã das Princesas M...

  • Anónimo

    Obrigada.



FUNDAÇAO DOM MANUEL II

A Fundação Dom Manuel II é uma instituição particular, sem fins lucrativos, de assistência social e cultural, com acções no território português, nos países lusófonos, e nas comunidades portuguesas em todo o mundo.
                                         mais...
 
Prémio Infante D. Henrique
Com a fundação do Prémio Infante Dom Henrique, do qual S.A.R. o Duque de Bragança além de membro fundador é Presidente de Honra, Portugal tornou-se o primeiro país europeu de língua não inglesa a adoptar o programa de "The International Award for the Young People".
                                         mais...

Por vontade d'El-Rei D. Manuel II, expressa no seu testamento de 20 de Setembro de 1915, foi criada a Fundação da Casa de Bragança em 1933, um ano após a sua morte ocorrida a 2 de Julho de 1932. 
O último Rei de Portugal quis preservar intactas as suas colecções e todo o património da Casa de Bragança, pelo que deixou ainda outros elementos para precisar o seu intuito inicial e legar todos os bens sob a forma do Museu da Casa de Bragança, "à minha Pátria bem amada"

 mais...


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Tags

mais tags


Publicações Monárquicas

Correio Real

CORREIO REAL

Correio Real

REAL GAZETA DO ALTO MINHO


INSCRIÇÃO ON-LINE NA CAUSA REAL